• Nenhum item foi adicionado!
Diabetes
Confira as vantagens de comprar com a Nova Nutrii!

promoção

Novasource GC - 200ml Baunilha

Produto

de R$ 12,10por R$ 9,98em 1x no cartão de crédito

- +

promoção

Novasource GC - 200ml Morango

Produto

de R$ 12,10por R$ 9,98em 1x no cartão de crédito

- +

promoção

Nutren Senior Sem Sabor - 370g

Produto

de R$ 51,00por R$ 44,84em 1x no cartão de crédito

- +
O que é o diabetes?

O que é o diabetes?

O diabetes mellitus caracteriza-se por ser uma doença crônica, uma síndrome metabólica de origem múltipla que decorre da falta ou má absorção de insulina deixando-a incapaz de aplicar seus efeitos, consequentemente, acarretando um aumento no nível de glicose, o açúcar no sangue. O hormônio insulina é produzido pelo pâncreas e sua função é quebrar as moléculas de glicose, transformando-as em energia para as células. Dessa forma, a ausência total ou de parte desse hormônio afeta não apenas na queima do açúcar, mas também na transformação desse açúcar em outras substâncias como proteínas, gordura e músculos. Assim, o diabetes se mostra, na verdade, como um conjunto de doenças que possuem uma característica em comum, que é o aumento do nível de glicose no sangue, provocado por duas situações distintas. Cada situação dá o nome ao tipo de diabetes que o paciente possui:

Diabetes tipo 1

No diabetes tipo 1 ocorre a insuficiência na produção de insulina, pois suas células sofrem de destruição autoimune. Isso é, o pâncreas perde a capacidade de produzir insulina suficiente devido a um problema no sistema imunológico. Esse problema faz com que os anticorpos ataquem as células que produzem a insulina, pois não as reconhecem mais como sendo do nosso próprio corpo. Esse tipo de diabetes exige que o paciente receba doses diárias de insulina, tornando-o insulinodependente. O diabetes tipo 1 ocorre entre 5% a 10% dos pacientes com diabetes e, apesar de poder ocorrer em qualquer idade, é mais comum ser diagnosticado em crianças, adolescentes e adultos jovens.

Diabetes tipo 2

No diabetes tipo 2 o paciente produz insulina, diferente do que ocorre no tipo 1, porém o corpo cria uma resistência a esse hormônio. Isso é, o corpo não responde corretamente ao efeito que a insulina deveria ter nas células, impedindo-as de fazer seu trabalho, ocorrendo, assim, o acúmulo de açúcar no sangue. Esse tipo de diabetes pode deixar o paciente insulinodependente ou não e, se não for tratado, pode ser fatal. O diabetes tipo 2, em geral, pode ocorrer nas pessoas com mais de 40 anos de idade.

Diabetes gestacional

Esse tipo de diabetes ocorre durante a gestação, o corpo pode ficar resistente à ação da insulina levando ao aumento do açúcar no sangue. Esse tipo de diabetes pode ser diagnosticado no início da gestão e persistir, ou não, após o parto. A causa da ocorrência dessa diabetes não é conhecida, mas pode estar ligada ao rápido ganho de peso da gestante, já que o excesso de peso é um fator de risco dessa doença.

Outros tipos de diabetes

Há ainda outros tipos de diabetes que estão ligados à doenças decorrentes de defeitos genéticos associados à outras doenças, como a hepatite alcoólica, além do uso não controlado de alguns medicamentos.

Sintomas

Sintomas

Os sintomas mais comuns do paciente com diabetes são:
— Vontade frequente de urinar (poliuria), que leva à perda rápida de líquidos, deixando o paciente com muita sede e desidratado;
— Aumento do apetite;
— Alterações visuais, visão turva ou embaçada;
— Impotência sexual;
— Problemas cardíacos e renais;
— Demora na cicatrização de feridas;
— Infecções na pele e nas unhas.

Causas e fatores de risco

Causas e fatores de risco

Alguns tipos de diabetes são decorrentes de problemas genéticos, mas além disso há fatores de risco que podem contribuir para o desenvolvimento do quadro de diabetes, são eles:
— Obesidade, inclusive a obesidade infantil;
— Falta de atividade física regular;
— Níveis altos de colesterol e triglicérides;
— Hipertensão;
— Alguns medicamentos como os a base de cortisona;
— Estresse emocional;
— Idade acima de 40 anos, nos casos de diabetes tipo 2;
— Hereditariedade;
— Cigarros.

Tratamento e recomendações

Tratamento e recomendações

Apesar de haver grandes avanços nas pesquisas, ainda não existe cura para o diabetes. No entanto, seguindo as recomendações médicas e fazendo o tratamento correto é possível conviver com o diabetes e até mesmo diminuir a quantidade de medicamentos. O uso da insulina é obrigatório nos pacientes de diabetes tipo 1, enquanto os do tipo 2 precisam usar alguns medicamentos e ter um controle rígido na alimentação. É importante que os portadores de diabetes, tanto do tipo 1 quanto do tipo 2, sigam uma dieta específica aliada com um estilo de vida saudável e exercícios físicos. Esses procedimentos são fundamentais para haja o controle dos níveis glicêmicos e prevenir as sequelas que o diabetes pode causar.
Por fim, vale a pena ressaltar que o médico deve ser consultado e os exames de diagnósticos feitos para que seu tratamento seja planejado e feito adequadamente.

Nutrii Liffe Comercio de Dietas Nutricionais LTDA • CNPJ: 01797454/0003-60 • IE: 626.876.292.113
© 2018 Todos os direitos reservados.